Saiba quais são os melhores cursos de graduação para quem quer empreender

Publicado por redator em

Fazer um curso de graduação nem sempre é uma etapa que é levada em consideração por quem pretende seguir a carreira como empreendedor e ser dono do próprio negócio. Isso acontece porque se vende a ideia de que não é preciso fazer uma faculdade para empreender.

De fato, não há nenhuma regulamentação, nem nada do tipo que exija um diploma para que as pessoas pudessem abrir um CNPJ e começar uma empresa. Mas isso não quer dizer que uma faculdade não sirva para nada.

Em momentos de crise, como a vivida atualmente em decorrência da pandemia do coronavírus, ter conhecimentos teóricos sobre os negócios podem salvar empresas e evitar que a tempestade force o fechamento de portas.

A pesquisa Global Entrepreneurship Monitor (GEM) de 2020, realizada no Brasil e em diversos outros países com apoio do Sebrae e do Instituto Brasileiro de Qualidade e Produtividade (IBQP), mostra que, no meio dos cerca de 10 milhões de CPNJs fechados em 2020, as mais afetadas foram mulheres com menor escolaridade que estavam nos estágios iniciais de atividade empreendedora.

Há cursos que contam com a sua grade curricular cheia de base teórica e até prática para que os estudantes comecem a ter noção do que é essa área.

Fazer uma boa faculdade de engenharia, por exemplo, é uma forma de conhecer os processos de uma organização e sua. Cursos de gestão e da área administrativa também vão preparar nos alunos olhares da área de gerência dos negócios.

Há também os cursos que proporcionam aos estudantes participar de empresas júnior, que começam a aguçar uma visão empreendedora nos jovens universitários.

Administração

O curso de Administração é a graduação mais popular entre as pessoas que buscam se formar com o objetivo de aprender os passos do empreendedorismo.

É uma faculdade que está sempre nos primeiros lugares dos cursos mais procurados do Brasil, e um dos motivos é essa possibilidade de aprender sobre como funcionam os negócios.

A graduação dá o grau de bacharel em Administração de Empresas, e a média de duração dessa formação é de quatro anos.

Ciências Econômicas

O curso de Ciências Econômicas forma economistas para o mercado de trabalho. Mas os conceitos teóricos dessa área do conhecimento, somados à prática que envolve finanças e gestão, são formas de preparar cabeças prontas para abrir o próprio negócio e empreender.

A faculdade de Economia dá uma visão do que acontece no mercado financeiro e como as empresas lidam com todo o contexto econômico de um país. Por isso podem abrir portas para empreendedores. Esse curso também costuma ter duração de quatro anos.

Ciências Contábeis

Assim como o curso de Administração dá noções diferentes dos processos de uma empresa e o curso de Ciências Econômicas expande a forma que pessoas entendem o mercado, o curso de Ciências Contábeis vai mostrar todos os procedimentos financeiros que uma empresa deve seguir para ter saúde nos negócios.

O curso de Contábeis pode desenvolver pensamentos estratégicos nos estudantes, já que vai formar profissionais que vão atuar na gestão contábil de uma empresa. Também é um curso que leva quatro anos para ser concluído, em média.

Engenharia de Produção

O curso de Engenharia de Produção frequentemente aparece nas listas de cursos mais populares entre as engenharias. E existem algumas razões para isso.

Além de formar profissionais para serem engenheiros, carreira muito desejada e valorizada pelos brasileiros e pelo mercado, essa graduação também dá a noção para os processos de produção de uma empresa e seus negócios.

Essa graduação prepara profissionais capazes de atuar como gerente de negócios físicos e materiais de uma organização, além de também poder trabalhar com a gestão de funcionários, ou seja, conhecer a área de recursos humanos.

Cursos de engenharia costumam ser um pouco mais longos devido ao ciclo básico da graduação. Por isso, a faculdade leva de quatro a cinco anos, em média.

Cursos Tecnológicos

Mais recentemente, opções de cursos para quem quer se formar mais rápido se tornaram populares. Com menor duração, os cursos superiores de tecnologia se tornaram boas oportunidades para os estudantes conseguirem o diploma de graduação em dois ou três anos.

Segundo o catálogo do Ministério da Educação (MEC), existem mais de 130 cursos tecnológicos, ou tecnólogos, como são conhecidos pelos estudantes. Eles são separados por eixo, e há alguns que focam em uma atuação voltada para o empreendedorismo.

O principal deles é o eixo de Gestão e Negócios, que conta com 13 cursos. Entre eles, os mais indicados seriam esses:

  • Comércio Exterior
  • Gestão Comercial
  • Gestão Financeira
  • Marketing
  • Processos Gerenciais

Há também o próprio curso de Empreendedorismo, que é focado na área e tem duração de dois anos.

Algumas pessoas também optam por cursos de nichos específicos, como os cursos tecnólogos de Gastronomia, Estética e Cosmética, Moda e Turismo, opções para quem quer gerenciar negócios em áreas individuais.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *