Quais equipamentos são mais utilizados em marcenarias?

Publicado por redator em

O grampeador de madeira é uma ferramenta bastante útil e fundamental dentro das indústrias de móveis, tapeçarias, indústria de calçados, montagem de stands e, também, para alguns reparos domésticos.

Ele tem a principal função de juntar peças de madeira para o acabamento almejado ou, até mesmo, para ligar duas estruturas de madeira.

Sua utilização é bem simples e prática, visa ajudar na produção ou em reparos dos materiais nos quais manuseiam a madeira em sua estrutura, tornando-se ferramenta indispensável em marcenaria.

No mercado há três categorias de grampeador de madeira que tem sua utilização destinada a produções ou reparos específicos: o mecânico, mas conhecido e denominado “manual”; o elétrico e o pneumático.

Todos desempenham a mesma função, no entanto, o que irá distinguir eles é a forma com que é realizado o acionamento. E eles podem atribuir algumas características como:

  • Agilidade;

  • Praticidade;

  • Alta performance;

  • Leveza (grampeador mecânico).

O tipo de mecânica de grampeador de madeira é bem útil e prática para idealizar projetos pequenos ou que necessitem somente de reparos simples dentro da residência como, por exemplo, no sofá que soltou uma parte do tecido, uma gaveta que o fundo soltou, ou para artesanatos. Esse tipo de grampeador é mais barato e fácil de se achar no mercado.

O grampeador de madeira elétrico é recomendado para tarefas um pouco maiores e de forma contínua, porque seu grampeamento é realizado apertando o gatilho sem precisar de muita força, assim, reduz lesões por esforço repetitivo.

É muito usado em trabalhos externos onde é necessário realizar um reparo de estofamento. Por último, o grampeador de madeira pneumático funciona por meio de ar comprimido e é indicado para o uso de profissionais e indústrias. Ele é empregado em fabricação de móveis, tapeçarias e na construção civil.

Conheça mais sobre o grampeador pneumático

O grampeador é uma ferramenta que tem muitas vantagens, mas também algumas desvantagens, por isso, é necessário saber escolher qual o tipo mais adequado para a aplicação.

O grampeador mecânico não é compatível com grampos maiores e grossos, e precisam de esforço físico; o elétrico consegue lidar com grampo 80 e são úteis para trabalhos externos em que não seja necessário um compressor à disposição. Entretanto, o desempenho do elétrico não é o mesmo que o grampeador pneumático.

Ele é utilizado quando a indústria precisa realizar um grande serviço como, por exemplo, efetuar o fechamento de várias caixas de papelão, a solução mais rápida e prática é usando essa ferramenta, pois resulta em uma melhor fixação e maior agilidade.

Além disso, é muito útil em várias aplicações como: montagem de móveis de madeira, ratan, vime e junco, serviços de tapeçaria, montagem de estruturas de estofados, em pallets, urnas funerárias, construção civil, entre outros.

Sua aplicação é ampla, e o recomendado é que consulte uma loja especializada para conhecer os modelos de grampeadores, suas funções e sua qualidade.

Descubra mais sobre as ferramentas para marcenaria

As Ferramentas para marcenaria são, praticamente, voltadas para trabalhar com a madeira, podendo serem classificados em alguns grupos, conheça alguns deles.

O primeiro grupo é o de corte e inclui serras e serrotes diversos, elas possuem lâminas dentadas com formatos distintos e cabos que seccionam as fibras da madeira dando o corte da peça.

O grupo desbaste são plainas que mediante ao uso de uma lâmina afiada removem camadas superficiais da madeira.

No grupo de furação estão as ferramentas como furadeira, brocas, bedamos e elas têm a função de realizar aberturas na madeira.

Já o grupo denominado de percussão incluem: martelos de metal, de borracha, de nylon, maços de madeira ou metal, entre outros.

Sua tarefa é bater em pregos, em outras ferramentas, em superfícies ou ajudar nos encaixes. O martelo é um item indispensável na utilização de algumas ferramentas como formões e goivas.

O grupo de entalhe agrega formões, bedames e goivas, e tem como função abrir cortes na madeira para realizar encaixes ou modificar sua superfície.

Ainda, existem as ferramentas auxiliares que são: bancada, grampos, sargentos, prensas, esquadros, marcadores e outras, elas criam condições para as ferramentas principais serem aplicadas.

Contudo, existem trabalhos que requerem maquinas para marcenaria de alta performance para completar o serviço como, por exemplo, a máquina de solda. Busque fornecedores confiáveis e que visam trabalhar com produtos de alta qualidade.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *