Equipamentos para a logística de armazenagem

Publicado por redator em

Os processos de armazenagem são importantes em todas as empresas, mesmo nos pequenos escritórios (para estoque de documentos e arquivos, por exemplo).

Por esse motivo, é preciso ter cuidado e atenção à essa atividade, pois a desorganização de estocagem pode acarretar em perda de espaço, bem como em desordenação de produtos, o que acarreta em consequências negativas para o empreendimento.

Desse modo, vale dizer que a a armazenagem é uma das atividades da cadeia logística das empresas que tem um papel fundamental para o gerenciamento, sendo capaz de atender as demandas e gerir estoques.

Em geral, os próprios empreendimentos podem realizar o processo logístico, ou optar pela contratação de terceirizada, ou seja, uma empresa de armazenagem e distribuição especializada.

Independentemente da opção escolhida, o trabalho logístico deve seguir algumas etapas, como forma de manter a organização.

Nesse sentido, deve-se ter especial cuidado com os métodos de movimentação de cargas e produtos, bem como os sistemas de estocagem, pois a irregularidade pode ocasionar perdas de mercadorias (por amassamento).

Além disso, a distribuição também merece destaque, pois ela será responsável pela entrega dos produtos até o cliente.

As vantagens de um serviço de armazenamento

O processo de armazenagem envolve quatro principais etapas: o recebimento, a estocagem, a separação e a expedição. Vale ressaltar que a execução bem feita de todas as etapas de armazenamento logístico contribuem positivamente para a empresa, pois:

  • Otimiza os processos operacionais;
  • Aumenta o controle da informações;
  • Dinamiza o processamento de pedidos;
  • Melhora os métodos de estocagem;
  • Facilita os trabalho;
  • Contribui para a produtividade.

Na primeira atividade, o recebimento, os produtos são recebidos pelos fornecedores e as informações sobre as mercadorias são definidas. Assim, são realizadas as operações de conferência, bem como a inspeção e a identificação de dados (o que é o produto, categoria, vencimento, etc.).

Já a estocagem consiste na operação de armazenagem propriamente dita. Aqui, os produtos são conferidos e identificados, e inicia-se o processo de alocação no armazem.

Em geral, as mercadorias são agrupados de acordo com as características ou destinação, dependendo do método escolhido pela empresa. Caso os produtos tenham um destino final, o endereço deve ser informado em cada item.

Na separação é feito o planejamento para a distribuição da mercadoria. É preciso levar em conta algumas informações específicas, especialmente, quando lidamos com produtos perecíveis.

Por esse motivo, a separação é considerada uma das etapas mais críticas e complexas de todo o procedimento de armazenagem e logistica.

Finalmente, na expedição, as mercadorias são entregues aos seus destinatários. O processo pode ser feito pela própria empresa, ou por meio de transportadoras.

Os principais equipamentos dos centros de armazenagem

Além de realizar todas as etapas operacionais com organização e cuidado, os centros de armazenagem utilizam equipamentos que colaboram para os processos logísticos, para que as operações sejam realizadas mais rapidamente e com maior eficiência.

Cada empresa irá contar com um equipamento específico, dependendo do tipo de produto armazenado.

Em indústrias e estabelecimentos comerciais do ramo alimentício, por exemplo, é comum o uso do elevador monta carga para restaurante preço diferenciado.

Esse aparelho tem como principal função otimizar e acelerar o processo produtivo em restaurantes ou espaços similares, especialmente, em locais com mais de um andar.

De maneira resumida, basta colocar uma carga dentro do elevador, pressionar um botão, que o equipamento irá levar o item até o outro andar, sem necessidade de deslocamento de colaboradores.

Além do elevador monta carga, o pedestal é outro aparelho que pode ser usado para agilizar os processos logísticos. O item está presente em indústrias, centros comerciais e todos os tipos de armazéns.

Assim como os elevadores, os pedestais são empregados para levantar mercadorias e produtos, de modo automatizado, minimizando o trabalho humano. Ele também é usado para operações estratégicas de armazenagem, ou seja, em atividades personalizadas para estocar produtos.

Por fim, os centros de armazenagem devem ter especial preocupação com segurança, principalmente, contra incêndios.

Por isso, é recomendável que toda a empresa de estocagem instale em seus armazéns um detector de fumaça linear, que é um dispositivo especialmente projetado para detectar possíveis focos de incêndio.

O equipamento emite um feixe de infravermelho com alcance de até 100 metros. Na presença de fumaça, o feixe é interrompido e, assim, o alarme é disparado, de forma eficiente e rápida.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *