Dicas importantes para pequenas empresas

Publicado por redator em

empresas

Para as empresas que já estão em grande escala a facilidade e disponibilidade de ferramentas é enorme.

No entanto, para empreendimentos menores, que muitas vezes estão no seu início, essa fase de encontrar ferramentas que realmente ajudem, como o controle de ponto digital, por exemplo, pode ser mais trabalhosa.

Portanto, separamos aqui algumas dicas que vão auxiliar de maneira significativa todo o processo.

Dica 1: Tenha um sistemas de gestão

Se voltar ao passado, as primeiras soluções tecnológicas voltadas para as organizações eram caras e difíceis de usar.

Isto porque precisavam de instalação nas máquinas e precisavam de conhecimento técnico. Porém, com a criação de softwares intuitivos e programas simples, os empreendedores têm a possibilidade de melhorar a gestão em todas as áreas, como:

  • Entregas;
  • Inovações técnicas;
  • Financeira;
  • Ergonomia.

A gestão financeira é a que recebe mais impacto, pois todas as entradas e saídas são computadas e o patrimônio é calculado automaticamente, precisando muitas vezes apenas que a instalação de internet esteja correta.

Dica 2: Faça a matriz do tempo

Para evitar aquela sensação de que se tem muita coisa para fazer, mas pouco tempo disponível, a solução pode ser a matriz de Eisenhower.

Essa é uma ferramenta indicada para destacar e definir as prioridades, para assim, organizar todas as tarefas que precisam ser executadas no dia.

Essa matriz funciona basicamente com dois eixos, que são: importância e urgência, e quatro partes que são: 

  • Importante e urgente (é prioridade);
  • Importante, mas não urgente (médio prazo);
  • Urgente, mas não importante (delegue);
  • Não importante e não urgente (faça depois).

Essa forma de organização é tão importante quanto distribuir brindes corporativos sofisticados para os seus melhores clientes, pois o tempo é um ativo muito valioso.

Sendo assim, ela é ideal para os pequenos empreendedores que gostam de estar presentes em todas as etapas do negócio. 

Em resumo, com essas duas dicas torna-se mais fácil conseguir se organizar para alcançar a escalabilidade necessária, para que o empreendimento cresça.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *